A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

A

Aditivo

Produto usado em pequenas quantidades para alterar, durante sua produção e uso, as características e propriedades de materiais tais como plásticos, pinturas, tintas de impressão e lubrificantes, resultando em melhor durabilidade e aparência.

Aditivo anti-desgaste

Aditivo para lubrificantes que previne o desgaste de superfícies metálicas causado por atrito e por altas pressões.

Aditivo para a reprodução de imagens fotográficas

Aditivo, em geral estabilizante à luz, usado em papéis e filmes fotográficos e que evita que a fotografia perca sua cor.

Agente de polimerização

O endurecimento de todos os sistemas termo-curáveis, tradicionalmente alcançado pelo aquecimento, agora é possível com a utilização de raios de luz, geralmente raios ultravioleta.

Antimicrobiana

Substância que previne o crescimento de micróbios e agrega propriedades médicas a produtos de consumo, como sabões e pastas de dentes.

Antioxidante

Aditivo que previne a degradação de plásticos, lubrificantes e revestimentos de superfícies.

Aterro sanitário

Grande escavação no solo para receber o lixo coletado, onde será tratado para não poluir o ar, o solo e a água.

B

Biodegradável

Matéria que pode ser decomposta no solo ou na água pelos microorganismos que ali vivem normalmente.

Branqueador ótico

Produto químico que confere brancura aos tecidos, detergentes, papel, fibras e plásticos.

C

Celulose

Principal componente das células dos vegetais.

Chorume

Líquido de cor preta, malcheiroso e de elevado potencial poluidor, produzido pela decomposição da matéria orgânica contida no lixo.

Coleta seletiva

Coleta do lixo com a separação dos dejetos segundo a qualidade.

Compostagem

Decomposição do lixo orgânico pelos micróbios.

Corante reativo

Corante para fibra de celulose ou lã que, durante o processo de tingimento, forma uma ligação química com a fibra.

D

Desativador de metal

Aditivo que inibe a corrosão de alguns metais como latão, cobre, prata e bronze.

Desintegrar

Separar em partes menores.

Dispersão

Suspensão de finas partículas, como os pigmentos, num fluido. Os pigmentos são às vezes vendidos nesta forma, particularmente para tintas comuns, tintas de impressão e aplicações em plásticos.

E

Elastômero

Plástico com propriedades similares às da borracha.

Endurecedor

Componente em sistemas polímeros termo-curáveis que acelera a ocorrência da cura.

Endurecimento por UV

Endurecimento de revestimentos de adesivos pela ação dos raios de luz ultravioleta.

Energia

Capacidade de uma substância realizar trabalho. Nas indústrias e no transporte a energia é obtida principalmente pelo uso de combustíveis como petróleo, gás natural e carvão.

Estabilizante à luz

Aditivo que impede a degradação pela luz de plásticos e de revestimentos de superfície.

Estabilizante ao calor

Aditivo que previne a degradação de plásticos e de revestimentos de superfícies, quando expostos a calor e oxigênio.

F

Fardo

Bloco de materiais compactados e amarrados para ocupar menos espaço.

Fonte renovável

Qualquer coisa que pode ser reproduzida.

Fotoiniciador

Aditivo que, quando exposto à luz, catalisa o endurecimento de tintas de impressão, revestimentos e adesivos, e quimicamente fixa imagens utilizadas em materiais eletrônicos e gráficos.

Fotorresistente

Material sensível à luz usado na fabricação de circuitos impressos para garantir que os condutores de cobre sejam aplicados nas chapas com máxima exatidão.

I

Incineração

Queima realizada a altas temperaturas em fornos especiais.

Inibidor de corrosão

Aditivo para lubrificantes e revestimentos de superfícies que reduz ou inibe a corrosão de metais ferrosos e alumínio.

L

Lençol freático

Águas subterrâneas.

Lixão

Local onde se descarrega o lixo diretamente sobre o solo, a céu aberto, sem medidas de proteção ao meio ambiente (Veja Aterro sanitário).

Luz ultravioleta

Luz de onda curta e alta energia proveniente do espectro da parte final do violeta.

M

Materiais para ferramentaria

Sistemas poliméricos especiais para a fabricação de ferramentas e peças para otimizar seu desenho antes da produção em série.

Matéria-prima

Substância usada para fabricar alguma coisa.

Meio ambiente

O conjunto formado pelos elementos ar, água e solo.

Microrganismo

Micróbio ou germe que pode causar doenças ou deteriorar alimentos.

Monômero

Composto de moléculas capazes de se combinarem entre si ou com outras para formar polímeros.

P

PET

Designação do polímero sintético Polietileno tereftalato.

PEAD

Designação do polímero sintético Polietileno de alta densidade.

PEBD

Designação do polímero sintético Polietileno de baixa densidade.

PELBD

Designação do polímero sintético Polietileno linear de baixa densidade.

Pigmento

Matéria corante insolúvel antes, durante e depois de sua aplicação; destina-se a dar cor a plásticos, tintas em geral, tintas de impressão e fibras sintéticas.

Pigmento clássico

Pigmento orgânico usado principalmente nas indústrias de tintas de impressão, plásticos e tintas.

Pigmento de quinacridona

Pigmento de alto desempenho, especificamente destinado a revestimentos.

Pirólise

Decomposição pelo calor.

Plástico

Material formado pela união de grandes cadeias moleculares chamadas polímeros que, por sua vez, são formadas por moléculas menores designadas monômeros.

Polietileno

Polímero de etileno, usado para isolante de materiais elétricos, para embalagens etc.

Polímero

Material elaborado a partir de amplas cadeias moleculares de moléculas simples chamadas monômeros, como por exemplo resinas epóxidas e de poliuretano. Os polímeros podem ser naturais ou sintéticos. Os naturais, como algodão, madeira, cabelos, chifre de boi e látex, são comuns em plantas e animais. Os sintéticos, como os plásticos, são obtidos através de reações químicas.

Polipropileno

Polímero de propileno, usado como insumo para sínteses químicas.

Polistireno

Polímero de estireno, usado como isolante térmico e elétrico, em objetos plásticos etc.

Poliuretano

Polímero de uretano, usado como intermediário químico, solvente.

PP

Designação do polímero sintético Polipropileno.

Processo químico

Obtenção ou transformação de algum material com o emprego de substâncias químicas.

PS

Designação do polímero sintético Poliestireno.

PVC

Designação do polímero sintético Policloreto de vinila.

Q

Química epóxida

Química de um grupamento reativo de três átomos (dois de carbono e um de oxigênio) formando um anel.

R

Reciclagem

Transformação de materiais usados em materiais novos.

Recursos naturais

O conjunto de materiais disponíveis na natureza.

Resíduo

Aquilo que resta de qualquer coisa após o uso.

Resina

Material polimérico natural ou sintético, como as resinas epóxidas e a borracha.

Resina epóxida

Resina sintética baseada na química epóxida e usada como revestimento de superfície, adesivos e para encapsular e embutir componentes elétricos e eletrônicos.

Revestimento

Termo amplo para tintas em geral, tintas de impressão e vernizes. Embora associados à decoração, os revestimentos também protegem as superfícies dos danos e da corrosão.

Revestimento para circuitos impressos

Revestimento polimérico aplicado sobre chapas de circuitos impressos que, ao endurecer, previne o risco de curtos-circuitos.

S

Solidez a tratamentos úmidos

A resistência da tintura à influência da água em processos úmidos (lavagem) e durante o uso (transpiração).

T

Termo-curável

Material plástico que pode fundir-se ou moldar sob a ação do calor porém, uma vez endurecido, não mais se altera mediante aumento de temperatura.

Termoplástico

Plástico que derrete quando aquecido, podendo ser moldado novamente.